Situado em um dos prédios mais icônicos e imponentes da cidade de São Paulo, o Terraço Itália traz consigo um legado de história e tradição. Um protagonista na cena paulistana que surpreende e encanta clientes e visitantes há quase 50 anos.

A imigração para o Brasil

Em uma Itália pós-guerra, poucas eram as oportunidades para jovens cheios de entusiasmo e com vontade de crescimento. Convicto de que o Brasil oferecia um futuro promissor, começou a planejar sua transferência para São Paulo, cidade que naquela época, já contava com quase 3 milhões de habitantes. Em 1948 Evaristo Comolatti desembarcou em Santos, carregando como tantos outros imigrantes, uma bagagem de sonhos.

Com seus dotes de grande determinação, inteligência, bom senso e forte espírito empreendedor, inciou sua caminha contra os obstáculos de uma terra desconhecida. Dia após dia, ano após ano, trabalhando em ritmo frenético e constante, começaram a surgir sua primeiras empresas, uma após a outra, mas sempre voltadas ao segmento automotivo, constituindo assim o Grupo Comolatti.

A cidade de São Paulo

Na primeira metade do século XIX, São Paulo vivia transformações urbanas intensas. O crescimento industrial e comercial provocou a expansão da cidade em diversas direções. A praça da República era uma vasta área, distante do centro de São Paulo. A construção do Viauto do Chá em 1892, facilitou a ocupação da área em direção à praça da República, consolidando a existência do “centro novo”. Já no século XX, a partir dos anos 40. A cidade passou por importantes alterações,como a nova urbanização da praça da República, a implantação das grandes avenidas projetadas pelo prefeito Prestes Maia e a construção do edifício Itália ainda hoje o mais alto da cidade.

A idealização do Terraço Itália

Ainda que realizado e orgulhoso com seus empreendimentos Evaristo Comolatti sentia que devia algo para a cidade de São Paulo, certo dia em visita às obras do edifício Itália, impressionou-se diante das dimensões da estrutura daquele prédio projetado por A. Franz Heep no início da década de 60 e inaugurado em 1965, o edifício Itália é considerado um dos marcos da arquitetura brasileira. Com 165 metros de altura distribuídos entre os 46 pavimentos, servido por 19 elevadores atendendo aos andares do escritório, uma galeria com lojas e sobrelojas, teatro e particularmente um maravilhoso terraço na cobertura do edifício.

Ao chegar ao topo daquele que era o edifício mais alto da cidade, deparou-se com uma vista deslumbrante da cidade que o acolhera e para qual tinha tanta gratidão. No intuito de possibilitar aos visitantes desta cidade a visão do desenvolvimento e a pujança do povo dessa que era a sua segunda pátria, decidiu presentear a cidade instalando ali um luxuoso restaurante. As obras iniciaram imediatamente e em 29 de setembro de 1967. Pelas mãos do prefeito Faria Lima, era inaugurada a mais bela vista panorâmica da grande metrópole paulistana. O Terraço Itália Restaurante, cartão de visita da cidade, o mais sofisticado ponto de encontro de celebridades e personalidades.

Terraço Itália hoje

O tempo passou, a cidade de São Paulo cresceu ainda mais e as pessoas tiveram que se adaptar a um novo ritmo. O Terraço Itália restaurante, atualmente com quase 5 décadas de história, mantém intacto o alto padrão de seus serviços, se adaptando as novas exigências de mercado e mantendo o título de cartão postal da cidade de São Paulo. Hoje presidido por Sergio Comolatti o Terraço Itália é um complexo de lazer, gastronomia e eventos, com versatilidade para sediar almoços, jantares, eventos sociais e corporativos. Gastronomia comandada pelo chef toscano Pasquale Mancini, serviço impecável, adega com mais de 200 rótulos selecionados dentre bons produtores do velho e novo mundo, fazem de suas salas, restaurante e bar, o cenário perfeito para o entretenimento e o desfrute de bons momentos na cidade de São Paulo.